Blog Dentalclean
trocar a escova de dentes

Está na hora de trocar a escova de dentes?

5 (100%) 2 votes

A escova de dentes é essencial na higiene bucal. Ela é responsável por remover a placa bacteriana, deixando sua boca muito mais saudável e livre dos problemas que a placa pode ocasionar. Mas para que a escova continue como a sua melhor aliada na saúde bucal, ela precisa ser trocada.

Muito se fala que essa troca deve acontecer a cada três meses, mas nem sempre esse é o tempo mais indicado. Aliás, em certos casos, é melhor trocar antes que esse tempo se complete. Para você não adiar mais essa substituição, separamos 3 motivos para você adquirir uma nova companheira para sua higiene bucal.

1. Cerdas desgastadas limpam menos

Depois de um tempo, as cerdas da escova começam a se desgastar e perdem parte do poder de limpeza. Uma escova nova consegue remover mais placa em comparação com aquela que já está em uso há meses. A deformação das cerdas compromete o alcance da escova em todas as regiões da boca, por isso é tão importante buscar uma nova escova.

2. Escovas acumulam bactérias

Se a escova é usada para remover bactérias, é natural que com o tempo ela também acumule algumas, o que exige uma troca frequente. Além disso, a forma como você guarda sua escova pode influenciar na proliferação das bactérias. Deixá-la deitada em cima da pia não é uma boa ideia, bem como armazená-la sem enxaguar antes.

3. Escovas podem ser foco de infecções

Como explicamos, as escovas acumulam bactérias. E esse problema é ainda maior durante uma gripe ou outra doença contagiosa. Se você usou a escova durante a gripe, troque assim que estiver melhor. Ela pode ser o foco de uma nova infecção, além de transmitir para outras pessoas, principalmente se você costuma guardar várias escovas juntas.

Se você quer ter sua escova por mais tempo, há como evitar que elas necessitem de troca antes da hora, veja essas dicas:
  • Proteja durante viagens

Em viagens é comum jogarmos a escova dentro de uma bolsa sem nenhuma proteção. Mas essa prática pode deformar as cerdas e fazer com que a escova perca a utilidade. Além disso, ela pode receber os germes presentes na bolsa. Por isso, use sempre uma caixa plástica para proteger sua escova de possíveis contaminações durante suas férias.

  • Retire o excesso de água

Depois de realizar a higiene diária, agite a escova para retirar o excesso de água. É importante que ela esteja seca no próximo uso, assim você diminui a chance de proliferação de germes.

  • Não deixe uma escova encostada em outra

Juntar as escovas pode até ser um conceito bem conhecido, mas na prática ele não deve ser seguido literalmente. Encostar uma escova em outra é dar caminho para as bactérias passarem para outra pessoa. Assim, o ideal é guardá-las em pé sem que encostem em nada.

E você, trocou sua escova quantas vezes neste ano?

Deixe seu comentário ↓

Dentalclean

O Blog Dentalclean existe para deixar você informado de tudo sobre a saúde bucal. Dicas, curiosidades, e orientações de dentistas especialistas no assunto. Acompanhe a gente nas redes sociais e fique por dentro dos lançamentos e novidades.

www.dentalclean.com.br

Tudo sobre os dentes da criança - Baixe o E-book Grátis

Siga a Dentalclean

Acompanhe a gente nas redes sociais e fique por dentro dos lançamentos e novidades.